Dezembro 05, 2022
Ouça a Rádio Arca aqui!

FIFA troca nome Israel da Copa do Mundo por ‘Territórios Palestinos Ocupados’ Featured

FIFA troca nome Israel da Copa do Mundo por ‘Territórios Palestinos Ocupados’ Cegonha (Foto: Reprodução/Canva)

 

A disputa histórica de território entre Israel e os palestinos fez com que a FIFA (Federação Internacional de Futebol) assumisse uma posição polêmica durante a realização da Copa do Mundo do Catar, que teve início neste final de semana.

Isso porque, apesar de Israel ser uma Nação reconhecida, cuja herança territorial é incontestável à luz dos registros históricos, a FIFA resolveu simplesmente excluir o nome do país judaico, colocando em seu lugar “territórios palestinos ocupados”.

A observação quanto a isso foi feita pela mídia israelense, que constatou o fato ao acessar o site da Federação para iniciar o processo de compra das passagens para o Catar.

“Ao entrar no site do Comitê Organizador da Copa do Mundo no Catar, para determinar a agência de compra de pacotes para o torneio, é necessário especificar a agência de vendas mais próxima da localização do comprador, o que é determinado por país”, dizem os israelenses.

“E ao entrar na Ásia e no Oriente Médio, todos os países, exceto Israel, tiveram revisão. Quem pesquisar entre os nomes dos países, encontra ‘Territórios Palestinos Ocupados'”, acrescentou a imprensa de Israel, segundo informações do Monitor do Oriente Médio.

“Israel não existe”

O repórter esportivo israelense Nadav Tsinsafer também comentou sobre o modo discriminatório como a FIFA trata Israel mediante essa sutil demonstração de apoio aos palestinos. Para ele, é como dizer que o seu país não existe no mapa.

“Milhões de israelenses estão assistindo atentamente aos torneios de futebol da Copa do Mundo, um dos maiores eventos esportivos do mundo. No entanto, ficou claro para eles que o próprio Israel não existe no site da FIFA para a Copa do Mundo do Catar em novembro”, comentou Nadav.

“Quem quiser comprar pacotes de hospitalidade descobrirá que o nome Israel não está na lista e foi substituído pela única opção chamada ‘Territórios Palestinos Ocupados’”, criticou o comunicador do jornal Yedioth Ahronoth.

Creditos: Gospel+

Rate this item
(0 votes)
Last modified on Terça, 22 Novembro 2022 11:35

Latest Tweets

RT @ASachsida: O bandido te rouba e diz: perdeu mane. Você vai a delegacia dar queixa ao delegado (que também é o juíz e o procurador) que…
RT @Amaro_Coronel: Interferência estrangeira nas eleições brasileiras é crime previsto no CPB. A eleição está, por mais um motivo, sob susp…
RT @jairbolsonaro: https://t.co/SVApB0y6LY
Follow Otávio Guilherme on Twitter

Post Gallery

A Rádio Arca em seu celular 24 horas

Anjos - a natureza dos anjos

Filho de líder ateísta se converte e hoje é pastor

Coluna do “pórtico de Salomão” é desenterrada em Jerusalém

Eu Colherei - Remix por DJ Adelson

Leitura da Bíblia cresce perto do Natal, indica pesquisa

Visita de Trump a Israel pode ter consequências proféticas

Teólogo pede que cristãos não esqueçam: “A Ressurreição mudou tudo”

Após atentado islâmico, versículos bíblicos tomam ruas de Londres